walkbywalk

Archive for the ‘Travel’ Category

Work hard play hard

leave a comment »


 
LO

Written by Walkers

September 24, 2013 at 8:25 am

Para viajar, basta existir

with one comment

Já dizia Fernando Pessoa, “A vida é o que fazemos dela. As viagens são os viajantes“.
Hoje foi dia de Walk Pick e dia para falar de viagens.

No youtube existem mais de 2.5 milhões de vídeos que falam sobre viagens. No vimeo mais de 88 mil. Os vídeos sobre viagens falam de experiências, motivam as pessoas, entusiasmam-nas a sonhar e a ter vontade de partir.

Explorando as conexões humanas através das pessoas e de diferentes lugares, o projeto experimental “Fifty People, One question” saiu à rua, em Brooklyn-NY e Londres, à procura de respostas à pergunta “Where would you wish to wake up tomorrow?“. As respostas revelaram-se surpreendentes e este vídeo tornou-se viral, repetindo-se noutras cidades europeias e americanas.
 

 

Eu, pessoalmente, gostava de acordar amanhã em Nova York, sentir o pulso à cidade, participar do seu ritmo, entusiasmar-me com as suas gentes e o seu espaço. Não serei a única certamente, a cidade é lugar-comum do sonho de muita gente… ou não fosse a cidade que nunca dorme.
Mas também e porque não acordar em Havana, a cidade perdida no tempo, e fazer parte do seu imaginário?

As marcas sabem o quanto valem estes projetos. O seu potencial e dinâmica no passa-a-palavra. O patrocínio de projetos como este “Where the hell is Matt?“, iniciado em 2008 e apoiado pela Cadbury, sucedem-se e ajudam a que sonhos de viajantes, em todo o mundo, se tornem realidade.
A SVA Travel Australia pratocinou um dos projetos de video mais virais de 2011: 3 amigos, 11 países, 1 tema – Move, Eat e Learn são um desafio à capacidade de conhecer novos lugares e introsar-se com as suas culturas.

 

 

E como estas experiências não existem à margem do relacionamento entre pessoas, surge-nos o projeto Duas Realidades que conta a história de amor entre 2 pessoas, em 2 cidades, durante 1 dia. Porque o mundo também é feito de esperança, de sonhos e de conquistas.

Termino como comecei – com uma pergunta: “Before the end of the day, what would you wish to happen?

 

 

E tu o que gostarias que te acontecesse antes do final do dia de hoje?

DM

Written by Walkers

November 16, 2012 at 11:49 am

Posted in Travel, Video

ONCE WE WERE COOL

leave a comment »

Para resumir a Walk Pick da sexta-feira passada (14.09.2012), peço este título emprestado a um número da revista Indaba. Nesta edição especial “Made in India”, Mohit Jayal e V Sunil, da Wieden+Kennedy Delhi, foram os editores convidados para escrever sob este tema, cujo resultado foi uma análise muito interessante e actual sobre como o revivalismo de antigas tradições e costumes é hoje uma realidade, na Índia.

Por uma série de razões, as gerações de hoje estão a encontrar inspiração nas melhores memórias e heranças das gerações anteriores. A música, a moda, a cultura visual, estilos de vida, o artesanato e até mesmo alguns valores e princípios estão a ser reavaliados, reinterpretados e aplicados a novos contextos e influências.
E na Índia, apesar de algumas mentalidades conservadoras e tradições ultrapassadas, é inspirador ver como algum passado está a ser revisitado pelas gentes do presente e como esta vontade de preservar o que outrora foi a imagem de marca deste país, está de novo a ganhar vida e vantagem, face às influências massificadas ocidentais. A cozinha tradicional e as bancas tão típicas de “street food” estão a pôr de lado as cadeias de fast food” ocidentais; os ícones musicais e do cinema estão a ser pesquisados e relembrados em sites de música criados com as linguagens de hoje; o artesanato está a ganhar uma nova vida e a ser um melhor sustento para as famílias que sempre dele viveram, porque novos designers têxteis e de moda estão a criar novos produtos utilizando as suas técnicas milenares e únicas; entre tantos outros exemplos…
Esta parece ser a tendência um pouco por todo o mundo, embora nalguns locais estas reinterpretações e preservações sejam mais intensas e bem sucedidas do que noutros. E a Índia, apesar dos não tão bons exemplos que chegam até este lado do mundo, é um caso de sucesso, a meu ver.

Este não é um país consensual e muito menos óbvio ou superficial. Para o conhecer a sério, há que ser corajoso, deixar de lado os preconceitos e abrir a mente a um mundo novo e completamente diferente daquele que vivemos por cá. Não é pior, nem melhor. É diferente. E com o qual se podem aprender muitas coisas úteis, interessantes e reveladoras. É só estarmos dispostos a isso.

INDIA TUBE  /// WEARABOUT /// DABBAWALLAS /// MOTHERLAND MAGAZINE /// NONASTIES /// MATSYACRAFTS /// PARDON MY HINDI  /// WALLPAPER – REBORN IN INDIA  /// WILD CITY

MJ

Written by Walkers

September 17, 2012 at 11:56 am

%d bloggers like this: